Ads Top

4 passos para você tentar superar suas fobias

As fobias são perturbações da ansiedade caracterizados pelo medo ou aversão persistente em relação a um objeto ou situação. Existem diversos tipos de fobias e nem todas elas são fáceis de serem identificadas como muitas pessoas acreditam. Apesar do medo e dos sintomas de ansiedade que elas provocam, na grande maioria das vezes, elas representam pouco ou nenhum perigo real.

Muitas vezes, elas não são o problema em si e podem ter causas subjacentes, geralmente um transtorno mental. Pensando nisso, hoje trouxemos para vocês alguns dos passos sugeridos por profissionais da área da saúde para que você possa aos poucos tentar super suas fobias. No entanto, é importante ressaltar a necessidade de se procurar ajuda de um profissional, caso seja necessário, pois somente ele poderá encontrar a melhor forma para lidar com cada caso em específico. Confira!

1 – Identifique seu medo

O primeiro passo é saber do que você tem medo. Embora o medo de algum animal seja algo mais fácil de identificar, coisas como agorafobia, por exemplo, já começam a ser algo mais complexo. Apesar de parecer óbvio, descobrir exatamente aquilo que se teme nos dá um ponto de referência. Algo concreto a ser tratado.

2 – Entenda isso

É comum que psicólogos utilizem a Terapia cognitivo-comportamental para (TCC) no intuito de lidar com as fobias de seus pacientes. É uma abordagem de duas vertentes que lida com a ansiedade no primeiro momento, levando em conta seus pensamentos e atitudes sobre o medo, e em segundo lugar, combatendo a resposta física àquilo que é temido.

Um dos processos é conhecido como reestruturação cognitiva. Segundo alguns profissionais, podemos reparar esses pensamentos “defeituosos” do medo, falando deles com outras pessoas ou tendo uma conversa consigo mesmo. A ideia é que se você confrontar seu maior medo, assim, ele provavelmente não te atormentará mais.

3 – Tome uma atitude

Uma outra etapa da TCC é que você tome medidas contra suas fobias. Ambas as partes desse processo são vitais para se ter sucesso para superar seus medos. Mas quando tomamos alguma atitude, é neste momento é que somos confrontados por aquilo que nos assusta.

Uma técnica bastante comum é a modelagem. A ideia é observar e gastar algum tempo com uma pessoa que lida com aquilo que você teme regularmente. Então, caso você tenha medo de aranhas, por exemplo, você poderia acompanhar alguém que cria o aracnídeo.

Quando isso já tiver se tornado menos difícil, o próximo passo é ir se aproximando do aranha. Levando seu tempo, sem apressar as coisas. A prática regular é de suma importância para se criar uma resistência ao seu medo conforme o tempo vai passando.

4 – Trabalhe gradualmente

Apesar do fato de se expor aos seus medos poder ajudá-lo a superá-los com o tempo, enfrentá-los diretamente pode piorar as coisas, segundo Andy Field, da Universidade de Sussex, na Inglaterra.

“Se você tem medo de aranhas e tenta assistir ao filme Aracnofobia, mas acaba tirando na metade, só piora a situação. Ao evitar a situação, você reforça a ideia de que deveria ter medo disso. A melhor maneira de abordar esta “terapia de exposição” é nunca assumir mais do que você acha que pode lidar.”

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com amigos.

Essa matéria 4 passos para você tentar superar suas fobias foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.