Ads Top

Não, WhatsApp não está testando recurso “chamar a atenção” do MSN

Nas últimas horas, diversos sites brasileiros publicaram uma notícia dizendo que o WhatsApp está testando um recurso semelhante ao “chamar a atenção” do MSN, também conhecido como Windows Live Messenger. Pode ficar tranquilo: o aplicativo não está implementando essa função — era só uma brincadeira de um site.

Foto por Álvaro Ibáñez/Flickr

A fonte usada pelos sites brasileiros é um blog italiano chamado Hardware Update. O texto diz que o “chamar a atenção” do WhatsApp estaria em fase alfa, disponível para poucos usuários. O destinatário teria que estar online, e não seria possível desativar essa função.

No entanto, essas informações têm como fonte o 8Satire, blog humorístico de notícias inventadas.

No post “WhatsApp está copiando MSN e adicionará um botão de chamar a atenção”, publicado em fevereiro de 2018, é possível encontrar exatamente os mesmos detalhes mencionados pelo Hardware Update: “o recurso ainda está em sua versão alfa… a pessoa precisa estar online… você não será capaz de desativar isto”.

Além disso, os dois posts usam exatamente a mesma imagem para ilustrar o texto. Este é um print do Hardware Update

… e esta é uma captura de tela do 8Satire:

O Tecnoblog entrou em contato com o WABetaInfo, que confirmou se tratar de uma notícia falsa: “isso é fake news! Não há nenhum recurso de chamar a atenção em desenvolvimento no WhatsApp!”.

O 8Satire diz que “publica notícias falsas, rumores e reportagens chocantes com sarcasmo incisivo e humor”. Na parte inferior de toda página no site, há o aviso de que este “é um site de notícias satíricas e de humor. Todo o seu conteúdo é de ficção (exceto aqueles que estão na categoria ‘sério’) e não deve ser considerado real”.

Infelizmente, vários sites consideraram que a notícia era real:

O WhatsApp está preparando alguns recursos interessantes, como bloqueio de mensagens muito reenviadas em grupos; suporte a iPad dentro do aplicativo para iOS; e stickers animados. O “nudge” do MSN Messenger, felizmente, não está na lista.

Não, WhatsApp não está testando recurso “chamar a atenção” do MSN

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.