Ads Top

Windows 10 aumentará exigência de armazenamento interno para 32 GB

O Windows 10 já precisa de uma quantidade razoável de memória interna para funcionar com o mínimo possível do sistema. A próxima grande atualização do sistema, que acontecerá no mês que vem, vai aumentar este espaço para 32 GB, 12 GB extra quando comparado com o Windows 10 de 64 bit utilizado atualmente.

A novidade acontecerá na atualização de maio para o sistema operacional, que é a versão 1903. Junto de uma série de alterações e novidades, o mínimo de 16 GB para o Windows de 32 bit, 20 GB para o de 64 bit subirá para 32 GB e isso vale para ambas as variantes. A quantia já considera o espaço mínimo reservado pelo OS para receber atualizações, que é de 7 GB e não pode ser realocado para outro fim.

A nova regra pode não ser um problema para a maioria dos usuários, mas existe um grupo que trabalha com computadores com pouquíssimo espaço em disco. Se você é um e tem um PC com menos do que 32 GB, saiba que o Windows 10 não será atualizado para este update e ele ficará na versão 1809, que tem suporte garantido até 12 de maio de 2020 para o consumidor final e workstations, indo até 11 de maio de 2021 para escolas que utilizam a versão educacional do Windows.

Além disso, a versão que está disponível agora para todos tem um suporte longo para problemas e bugs que acaba em 9 de janeiro de 2024, junto do mesmo dia de 2029 para falhas de segurança. A única versão do Windows 10 que não será afetada pela mudança é o IoT, que já trabalha com cortes no que existe no produto e espaço ainda menor de armazenamento.

Com informações: Ars Technica.

Windows 10 aumentará exigência de armazenamento interno para 32 GB

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.