Ads Top

China emite licenças de rede 5G em iniciativa que pode ajudar Huawei

Stringer/Reuters - 27.02.2019

A China concedeu licenças 5G para as três maiores operadoras de telecomunicações do país e para a China Broadcasting Network nesta quinta-feira (6), dando sinal verde para implantação comercial completa da tecnologia de rede celular da próxima geração.

As aprovações desencadearão investimentos no setor de telecomunicações que beneficiarão os principais fornecedores, como a Huawei, enquanto a provedora chinesa de equipamentos de rede se esforça para superar a entrada lista negra dos Estados Unidos que prejudicou seus negócios globais.

As operadoras estatais China Mobile, a China Unicom e a China Telecom, bem como a emissora estatal China Broadcasting Network, são as quatro licenciadas nomeadas pelo governo.

As três operadoras receberam licenças de teste 5G no final de 2018 e o anúncio desta quinta-feira dá início à implantação comercial antes do cronograma original que visava isso para 2020.

O lançamento acelerado do 5G poderia ajudar a Huawei, enquanto Washington forçaria seus aliados ao redor do mundo a abandonar a empresa de suas redes 5G devido aos temores de que ela possa ser usada como ferramenta de espionagem do governo chinês, uma alegação que a Huawei nega repetidamente.

A Huawei disse em resposta à concessão da licença que estava preparada para apoiar a construção 5G da China. A empresa informou que assinou 46 contratos comerciais de 5G em 30 países até o momento, vendendo mais de 100 mil estações-base 5G.

"Continuamos preocupados que, se a proibição de exportação dos EUA para a Huawei permanecer em vigor por algum tempo e for estendida para outras empresas chinesas de tecnologia, será muito difícil para a China construir escala de 5G", disse o banco Jefferies em nota.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.