Ads Top

Nokia irá lançar mais dois celulares no Brasil em 2020

Ao menos dois celulares da Nokia serão lançados no Brasil ainda neste ano. É o que conta o diretor da operação da HMD Global no país, Junior Favero, ao Mobile Time nesta quinta-feira (10). Os modelos dos telefones cotados para serem apresentados nos próximos meses, porém, não foram revelados pelo executivo.

Nokia 2.3

A Nokia retornou ao país em maio, em parceria com a Multilaser para produzir, distribuir e comercializar os celulares da marca no Brasil. Agora, a companhia pretende lançar dois novos celulares até o fim de 2020, de acordo com o executivo, para expandir a sua presença no mercado nacional de smartphones e feature phones.

A HMD Global ainda tem novos planos para o mercado brasileiro de celulares em mente. Entre eles está a comercialização de produtos em outros canais além do e-commerce, como as operadoras, e a fabricação local. A companhia também pretende trazer ao país os serviços de roaming global e digitais para empresas (B2B).

“Hoje, o Nokia 2.3 está em diversos marketplaces no Brasil. Mas, ao mesmo tempo, nós conversamos com as operadoras. Queremos abrir outros canais. No curto prazo, nossa estratégia é ser digital-first, levar a experiência da loja Nokia.com aos nossos consumidores”, afirmou Favero ao Mobile Time.

O Nokia 2.3 é o celular que marcou a volta da marca finlandesa ao país. Revelado em maio, o smartphone de entrada possui tela de 6,2 polegadas e chama a atenção pela bateria de 4.000 mAh, que promete dois dias de duração. Por dentro, o lançamento tem um processador MediaTek Helio A22, 2 GB de RAM e armazenamento de 32 GB.

O preço sugerido do smartphone é de R$ 899.

Nokia C2 (Foto: Divulgação/Nokia)

Nokia C2 (Foto: Divulgação/Nokia)

Nokia C2 e 5.3 são homologados pela Anatel

Em julho, a Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel, deu sinal verde a dois celulares da HMD Global no Brasil: o Nokia C2 e o Nokia 5.3, sob os modelos TA-1263 e TA-1223, respectivamente. De acordo com os certificados, os smartphones foram homologados a pedido da Multilaser, responsável por distribuir telefones da marca.

Opção de entrada, o Nokia C2 possui tela de 5,7 polegadas com resolução HD+ e câmera frontal e traseira de 5 megapixels. Simples, o smartphone chega ao consumidor com a versão mais leve do Android 9 (Pie), o Android Go, processador quad-core de até 1,4 GHz, 1 GB de RAM e armazenamento de 16 GB. A bateria é de 2.800 mAh.

Nokia 5.3 (Foto: Divulgação/Nokia)

Nokia 5.3 (Foto: Divulgação/Nokia)

O Nokia 5.3 possui especificações mais avançadas em relação ao C2. O smartphone vem com tela de 6,55 polegadas com resolução HD+ e câmera frontal de 8 megapixels, em um notch de gota. O conjunto fotográfico engloba câmera principal de 13 MP e mais três sensores de 2, 5 e 2 megapixels. O celular sai da caixa com Android 10.

A ficha técnica é intermediária, formada pelo processador Qualcomm Snapdragon 665, armazenamento de 64 GB e edições com memória RAM de 3 GB, 4 GB e 6 GB. A bateria de 4.000 mAh oferece dois dias de carga, de acordo com a fabricante. O smartphone ainda conta com a promessa de receber o Android 11 no futuro.

A expectativa é que ambos os celulares sejam lançados no Brasil nos próximos meses.

Com informações: Mobile Time

Nokia irá lançar mais dois celulares no Brasil em 2020

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.