Ads Top

Os melhores momentos das premiações em 2020 (apesar de ser 2020)

Honrarias tiveram que ser adaptadas por conta da ameaça do vírus, mas não perderam a ginga (Foto: Getty Images)

A temporada de premiações é sempre um momento para conhecer novos artistas, ou mesmo maratonar produções indicadas. Mais do que isso! É hora de fazer grandes apostas e, claro, torcer pelos(as) artistas favoritos(as). Mas é na grande noite, quando ocorre a cerimônia de entrega dos troféus, que todo mundo se mobiliza para conferir os detalhes e a consagração das ditas honra e glória.

Aos trancos e barrancos, tentando preservar o brilho e o glamour, o formato clássico das premiações passou por adaptações em virtude da pandemia. Com shows pré-gravados, ausência de plateia e prêmios sendo entregues na casa do indicado, a lista de novidades é enorme. Perdeu a graça? Não! Por isso mesmo, a fim de celebrar o que houve bom, fizemos uma retrospectiva de grandes momentos.

O orgulho da OMS

Uma das principais premiações do mundo da música, o Video Music Awards (VMA) chegou à sua 37ª edição em um formato nunca antes imaginado. Com palcos espalhados pela cidade de Nova York, equipe reduzida e cuidados excessivos, o evento mostrou que soube se adaptar aos novos tempos e não deixou de lado sua tradição. Sua grande expoente? Lady Gaga, que aliás é cria da MTV.

Grande indicada e vencedora da noite, conquistando 4 dos 9 prêmios aos quais concorria, a mother monster, ainda levou para casa o inédito, Tricon Award, que ressalta toda a versatilidade e jornada do artista ao longo dos anos nas áreas de música, moda, cinema e filantropia.

Deixando claro a necessidade de respeitar os cuidados estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS), na luta contra a Covid-19, Gaga fez questão de mostrar a importância do uso da máscara. Esse elemento, inclusive, ganhou um destaque especial em seus figurinos e no próprio show, já que ela se apresentou usando uma versão super tecnológica do acessório de segurança.

Nascem DUAS estrelas

Ainda sobre o VMA, a cerimônia principal nem tinha começado, mas uma das melhores apresentações da noite já tava rolando lá fora. Isso porque, ainda no tradicional pré-show, que geralmente ocorre no tapete vermelho do evento, o duo Chloe X Halle já havia entregado tudo o que a gente mais admira em um artista. Vocais impecáveis, coreografia sincronizadíssima, figurino deslumbrante e muito carisma.

O fato é que com a faixa “Ungoldly Hour”, que dá título ao mais recente álbum, as irmãs mais talentosas do momento fizeram uma grande apresentação e mostraram que merecem estar entre as principais atrações no próximo ano. Fica a dica, Eme-te-vê!

Bruna Fashionista Marquezine

Uma das partes legais de poder acompanhar premiações é sempre dar aquela conferida nos looks dos famosos, né? Neste ano, quem serviu muito no visual foi a atriz e apresentadora do MTV MIAW, Bruna Marquezine. Ao todo, a mais recente contratada pela Netflix desfilou com cinco looks estonteantes, todos absolutamente glamourosos e olha… com direito até a cosplay de Britney Spears na lendária apresentação de “I’m Slave 4 U”, feita lá na gringa em 2001. Vale dizer que além de Bruna, as escolhas dos lookinhos tiveram o olhar atento da stylist Rita Lazzarotti.

Linda que brada!

A musa Linn da Quebrada foi uma das grandes homenageadas da noite no MTV Miaw 2020. Extremamente necessária em seu discurso e dona de uma das obras mais contundentes da música popular brasileira contemporânea, a artista recebeu o prêmio “Transforma MIAW Todes Juntes”, uma maneira de agradecer por seus esforços no que diz respeito à representatividade queer.

Na ocasião, Linn discursou e fez uma bonita fala em que destacou as particularidades da transformação, “um processo coletivo que exige comprometimento de todes”. Todos os aplausos!

Fogo no parquinho (literalmente)

A premiação mais importante da TV Americana, o Emmy Awards, aconteceu de forma semi-presencial. Apesar de manter o distanciamento social, o host da cerimônia, Jimmy Kimmel, não ficou sozinho o tempo todo. A atriz Jennifer Aniston entrou em cena para realizar a entrega do primeiro prêmio da noite, o de Melhor Atriz em Série de Comédia.

Como já era esperado, o momento rendeu várias “piadinhas” para entreter o público, mas foi de forma espontânea que a parte mais engraçada aconteceu. Para simular uma higienização do envelope que continha o resultado, Kimmel usou produtos químicos e, logo em seguida, ateou fogo. O problema foi para apagar as chamas… Aniston, no fim das contas, teve que usar o extintor de incêndio com mais intensidade do que o previsto.

Mais que amigues, Friends!

Esse meme nunca fez tanto sentido! É bem possível que “Friends” seja uma das produções mais amadas do mundo. Basta que os integrantes do elenco interajam pelas redes sociais que os fãs não hesitam em pedir uma reunião, a gravação de novos episódios ou, até mesmo, um versão compacta da sitcom para os cinemas. Imagine então a surpresa do público ao ver as três protagonistas da série juntinhas na TV?

Choque foi a palavra quando as atrizes Lisa Kudrow, Courteney Cox e Jennifer Aniston se encontraram para fazer uma esquete durante a premiação. Elas retomaram, brevemente, aos seus personagens a fim de brincar que continuam morando juntas até hoje. Icônico!

Rainha e artivista

Que o BET Awards é uma das premiações mais legais e mais importantes da indústria musical, todo mundo já sabe. Mas o que surpreendeu este ano foi a maneira com que a cerimônia se adaptou pra poder acontecer. O evento foi um dos primeiros a aderir ao formato virtual, servindo de grande inspiração para as premiações seguintes. Além do comprometimento de todos os profissionais envolvidos o show trouxe uma participação especial de Beyoncé, que foi reconhecida pelo time de curadores da BET com um Prêmio Humanitário.

Isso porque, por meio da fundação BeyGOOD, a artista tem apoiado causas como o combate à pobreza, ao desemprego e apoio a vítimas de desastres naturais, além de incentivar a educação. Entre as ações sociais mais recentes da cantora está a “BeyGood4Burundi”, ação fruto de uma parceria com a UNICEF e que tem como objetivo levar água potável ao Burundi, considerado um dos países mais pobres do mundo.

Ao receber o prêmio, a voz de “Black Parade” fez questão enfatizar a presença de pessoas negras entre suas inspirações, além de incentivar o voto para as eleições presidenciais americanas prestes a ocorrer naquele momento. “Suas vozes estão sendo ouvidas e você está provando aos nossos antepassados ​​que suas lutas não foram em vão”, disse.

Quarteto mais que fantástico

Poucas coisas são tão especiais quanto reunir ícones de várias gerações da música em uma única apresentação, certo? Foi o que rolou na edição do BET Hip Hop Music Awards 2020. Em um show emblemático, a cantora Brandy interpretou o clássico “I Wanna Be Down”, originalmente lançado em 1994 ao lado de um trio poderoso. Ao seu lado estavam Erykah Badu, Teyana Taylor e H.E.R. Um quarteto virtual perfeito, formado por quem sabe como mandar um flow e arrasar no R&B.

Ela faz a história, ela!

Ícone da TV e do cinema, fashionista, ativista… Além de todas essas funções, a pessoa de Zendaya pode e deve ser associada a muitos outros adjetivos. Em 2020, a intérprete de Rue, em “Euphoria”, se tornou a vencedora mais jovem de um Emmy na categoria Melhor Atriz em Série de Drama.

Protagonista da narrativa, exibida pela HBO, a atriz fez história não apenas pela conquista, mas também por sua reação ao receber a estatueta em casa, cercada por seus familiares. Foi tanta emoção que a foto do momento acabou virando um meme. “Sei que nosso programa não é um bom exemplo, mas existe esperança pros jovens, tenham isso em mente”, disse.

Vários artistas comemoraram a vitória, entre eles a ex-primeira dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, que a parabenizou durante uma live no Instagram. “Parabéns! Eu assisti, garota, assisti cada episódio [da série]”, disse. “Estou muito orgulhosa de você. Olhe só para você”.

Sagrada família da MPB

No Brasil, o Prêmio Multishow é um dos momentos mais esperados pelos fãs de música e, na edição deste 2020, não foi diferente. Com todas as adaptações necessárias, o evento foi comandado por Paulo Gustavo, Tatá Werneck e a cantora IZA que, aliás, entregou uma das apresentações mais lindas da noite. Juntamente com Elza Soares, que se apresentou por vídeo transmissão, as artistas cantaram o clássico de Raul Seixas, “Tente outra Vez”, sendo impossível não se emocionar. Uma conexão digna de mãe e filha.

***

O post Os melhores momentos das premiações em 2020 (apesar de ser 2020) apareceu primeiro em PAPELPOP.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.